Logo CNA

Maranhão

Trinta e cinco profissionais que atuam em áreas de assentamento assistidas pelo Iterma, foram certificados essa semana
5953ff60 d789 423a bbea b852a600d90e

Trabalho é fruto de uma parceria entre Governo do Estado que inclui diversos órgãos, como o Instituto de Colonização de Terras do Estado do Maranhão e o Sistema Faema/Sena

5 de abril 2024

Por: Leocândida Rocha

Fonte: Senar MA

O ato de certificação ocorreu na sede em São Luís e contou com a presença do presidente do sistema Faema/Senar, Raimundo Coelho e do diretor presidente do Iterma, Anderson Ferreira, diretores e coordenadores da entidade. De acordo com os dirigentes, os treinamentos revolucionaram as atividades dos técnicos que atuam no campo.

Aptos para atenderem as demandas da instituição, o grupo considera de grande relevância o aprendizado promovido pelo treinamento feito com teoria e prática, que servirá para dar maior celeridade a obtenção e dados do trabalho proposto pelo Instituto, como por exemplo: a regularização fundiária, regularização cadastral de assentamento, dentre outras ações de grande importância

Com uma média de 92 treinamentos somente no primeiro semestre desse ano, o curso de Pilotagem de Drone, encabeça a lista dos mais solicitados no Senar, principalmente pelo pequenos e médios produtores rurais, entidades e órgãos que desenvolvem ações voltadas para investimentos no setor agropecuário.

A utilização dessa tecnologia no mio rural, é feita por meio do mapeamento da área, através de um sistema de sensores de laser e ultrassom. Esta atividade dentro das propriedades envolve o monitoramento preciso e diário, economia de tempo nas operações, vantagem econômica e produtiva, detecção de falhas no plantio, identificação eficiente de pragas, contagem precisa de plantas, pulverização remota de defensivos e demarcação eficiente de plantação.

Intensificado

O Senar iniciou a oferta este tipo de treinamento em 2021, e desde esse período, a procura tem se intensificado, haja vista o drone apresentar diversas utilidades dentro do setor, como na pulverização com capacidade de aplicar insumos na lavoura.

Antes de incluir no seu portfólio de treinamentos, a entidade incluía na sua programação das Feiras e Exposições, treinamentos sobre a ferramenta, em parceria com a Administração Regional do Piauí. Com isso, foi necessária a contratação de instrutores com formação específica para atender a enorme demanda que chega diariamente.

“Com a chegada do curso de Pilotagem de Drone e de Mapeamento com Drone, o Senar se tornou referência quanto à tecnologia inovadora dentro do campo. Atualmente são centenas de pedidos mensais de qualificações nestes neste sentido, e a certificação dos funcionários do Iterma, é uma alegria para mim, porque é o resultado de uma parceria firmada com o Governo do Estado que vem dando certo”, afirmou o presidente Raimundo Coelho.

“O curso é importantíssimo e simboliza a parceria entre o sistema Faema/Senar e o Governo do Estado, que compreende diversos órgãos, como o Iterma. O aprendizado dos nossos técnicos vai abranger um leque muito grande de atuação e com isso, o nosso assentado só tem a ganhar”, ressaltou o diretor-presidente Anderson Ferreira.

O engenheiro agrônomo, Aurélio Ribeiro Oliveira, elogiou o instrutor dos cursos e destacou a importância do curso de Pilotagem de drone. Um curso desta magnitude é essencial para que posamos fomentar o trabalho técnico das áreas de assentamento, combatermos pragas, e realizar o trabalho técnico da de forma mais adequada”, disse ele.

Matérias Relacionadas