Logo CNA

Sergipe

Senar Jovem em Grãos fortalece a produção agrícola em Sergipe com a qualificação
Whats App Image 2023 06 05 at 15 13 31

Como parte dos trabalhos do Sistema FAESE/SENAR que contribuem para fortalecer a produção agrícola no estado, jovens estão sendo qualificados com cursos profissionalizantes. Além disso, mais de 800 produtores rurais sergipanos de pequeno e médio porte são acompanhados mensalmente pelos programas do Senar:  o Produzir + Senar e a Assistência Técnica e Gerencial.

6 de junho 2023

O agronegócio tem desempenhado um papel fundamental no crescimento do PIB brasileiro, e os últimos dados divulgados pelo IBGE confirmam essa tendência. No primeiro trimestre deste ano, a economia do país registrou um aumento de 1,9%, impulsionado pelo setor agropecuário, que apresentou um crescimento expressivo de 21,6%. Sergipe se destaca nesse contexto, com uma significativa produção de grãos.

Como parte dos trabalhos do Sistema FAESE/SENAR que contribuem para fortalecer a produção agrícola no estado, estão sendo realizadas três turmas do Senar Jovem em Grãos nas cidades de Pinhão, Pedra Mole, Itabaiana e Simão Dias, onde há Salas do Produtor Rural. Além disso, mais de 800 produtores rurais sergipanos de pequeno e médio porte são acompanhados mensalmente pelos programas do Senar: o Produzir + Senar e a Assistência Técnica e Gerencial.

No curso do Senar Jovem em Grãos, os alunos têm a oportunidade de realizar visitas e aulas práticas aos sábados. Uma dessas visitas foi feita ao silo Armazém Rocha em Simão Dias. A instrutora do Senar Sergipe e engenheira agrônoma, Flávia Lima, destacou a importância dessa visita: "Os alunos tiveram a oportunidade de conhecer uma estrutura de grande porte e aprenderam sobre secagem e armazenamento de grãos de milho. O silo é do tipo vertical de metal, representando uma alta tecnologia na armazenagem."

No último sábado (03), como parte do encerramento do módulo de Introdução à Cultura de Grãos, os alunos realizaram uma visita de campo à área de milho na Escola Técnica de Itabaiana, agreste de Sergipe. Durante a visita, foram abordados temas como manejos fitossanitários de pragas e doenças, desenvolvimento da planta, nutrição e produção da espiga.

Um dos alunos do Senar Jovem, Lougan Menezes Reis, também é estudante de Engenharia Agrícola na Universidade Federal de Sergipe e está buscando adquirir conhecimentos que possam enriquecer sua carreira profissional. Ele destacou a importância dos grãos e seu interesse em aprender mais sobre o assunto. Lougan ressaltou a qualidade das aulas ministradas e agradeceu ao SENAR pelos cursos proporcionados aos sergipanos.

O Senar Jovem em Grãos tem contribuído para fortalecer a produção agrícola em Sergipe, fornecendo aos jovens a qualificação e conhecimentos essenciais para atuar no setor, impulsionando ainda mais o desenvolvimento do agronegócio no estado.

Os alunos conheceram de perto o armazenamento do milho em grão

Senar Jovem

Desde 2018, quando foi criado, o Senar Jovem formou 468 alunos como assistentes agropecuários aumentando as oportunidades. Em 2023, o Senar Sergipe ofertou 9 turmas do Senar Jovem, sendo duas de Bovinocultura de leite em Gararu, uma de Máquinas e Implementos Agrícolas em Itabaiana, uma em Aquicultura em Indiaroba, três de Grãos, nos municípios de Pinhão, Pedra Mole, Itabaiana e Simão Dias, Gestão e Administração Rural, em Itaporanga d’Ajuda e Equinocultura em Itabaiana.

O curso profissionalizante tem como público-alvo os jovens com idade entre 16 e 30 anos, na modalidade híbrida (remota e presencial), com carga horária de 400 horas e duração prevista de 9 meses, são dois dias de aulas teóricas on-line na semana, no período noturno com duração de 4 horas, além das aulas práticas aos sábados em propriedades rurais, agroindústrias, estabelecimentos, eventos agropecuários e dias de campo. As turmas foram formadas em parceria com os municípios com Sala do Produtor Rural.

O presidente do Sistema Faese/Senar concedeu entrevista sobre o assunto nesta terça-feira (06), ao vivo no Balanço Geral Sergipe: